macrobiótica

a macrobiótica

A Macrobiótica é um estilo de vida que tem como objectivo último ajudar-nos a desenvolver o nosso potencial humano, ao seguirmos as leis da natureza dum ponto de vista biológico (através da alimentação), ecológico (fazendo escolhas diárias que contribuem para uma melhor qualidade de vida ambiental), social e espiritual (tratando os outros com amor e compaixão e assumindo a nossa responsabilidade como um pequeno elo numa vasta cadeia de seres e fenómenos).

A origem da palavra é grega, “macro” – grande – e “bio” – vida e não significa apenas “grande vida” mas também a capacidade de vivermos a vida duma forma grandiosa e magnífica. A  alimentação, essencial, dá-nos a base biológica, a saúde em todo o seu esplendor e a sensibilidade para com o meio que nos rodeia. Nós somos literalmente o que comemos: os alimentos criam o nosso sangue, o sangue nutre as células, os órgãos, o cérebro. Sem alimentos a vida não é possível.

as 5 transformações

O principio filosófico baseado em tradições milenares que explicam a concepção do Mundo como um acumular de fenómenos energéticos, crendo que o Universo se rege por duas forças antagónicas e complementares. Estas duas forças estão em permanente movimento, uma com tendência para a expansão, a outra com tendência para a a contracção. A saúde e harmonia do corpo, mente e espírito depende do equilíbrio entre estas duas forças. Yin e Yang na tradição oriental, o Pai Celestial e a Mãe Terra no Cristianismo.

As 5 Transformações são como 5 estágios onde cabem todas as manifestações do Mundo visível, incluindo emoções e, naturalmente, a alimentação.

 

Árvore – é o movimento expansivo e ascendente relacionado com a paciência, a tolerância, o altruismo e a generosidade. A cor é o verde, a estação correspondente é a Primavera, o sabor é o ácido, o sentido a visão e os órgãos principais por ela regidos, o Fígado e a Vesícula.

 

Fogo – é o estágio de maior expansão relacionado com a alegria, intuição, lucidez e riso. A cor é o vermelho a estação correspondente é o Verão, o sabor é o amargo, o sentido o tacto e os órgãos por ele regido o Coração e Intestino Delgado.

 

 

Solo – esta é uma energia em estado semi-condensado e relaciona-se com a capacidade organizativa,simpatia, sentido pratico da vida e optimismo. A cor dominante são o amarelo e os tons terra. A estação correspondente é o Fim de Verão, o sabor é o doce e os órgãos principaispor ela regidos são o Estômago, Baço e Pâncreas.

 

Metal – representa o mundo mineral na Natureza, é a energia da reunião, do desapego, do entusiasmo e da depuração. A cor dominante é o branco e a estação correspondente o Outono. O sabor é o picante e os órgãos principais regidos por este estágio energético são os Pulmões e o Intestino Grosso.

 

Água – é o estágio de fusão, a energia flutuante relacionada com a vontade, o sentido de vida e a capacidade de adpatação. As cores dominantes são as escuras e a estação correspondente o Inverno. O sabor é o salgado e os órgãos principais regidos ela são os Rins e a Bexiga.